Jornada

Ainda que tardia – A chegada no Uncollege Brasil

Finalmente começou! Um ano após esse blog entrar no ar, eu coloquei o pé na estrada e estou realizando esse projeto. Dá pra acreditar? Eu ainda estou absorvendo esse impacto, confesso. Tive que passar por muita coisa nesse último mês e meio desde que coloquei essa história em movimento, desde que mandei um e-mail pro Uncollege contando que tinha interesse em vir pra cá. Mas isso vai ser uma história pra outro post, pra semana que vem, prometo. Agora já existe um calendário editorial para o AQT, graças a uma oficina que já tive aqui na escola, e a tudo mais que tem acontecido desde que cheguei aqui: mudança de estilo de vida, tempo pra mim, desconexão dessa vida maluca que eu levava. [caption id="attachment_397" align="aligncenter" width="640"]Começo da jornada, ainda que tardia. Começo da jornada, ainda que tardia.[/caption] (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
Cursos

Desescolarização, hackschooling e ano sabático

O filósofo e educador Mário Sérgio Cortella usou certa vez a seguinte frase para definir o atual paradigma educacional em que nos encontramos: "Temos uma metodologia do século XIX, professores do século XX e alunos do século XXI". Em um mundo com acesso virtualmente ilimitado à informação, em que não há mais um detentor sagrado do conhecimento, o mestre, e alunos incautos que não poderiam obter conhecimento se não tivessem acesso a esse sujeito ou à estrutura de bibliotecas e conhecimento fornecida por uma instituição, e é plausível que algumas pessoas comecem a questionar que esse seja ainda não apenas o modelo vigente mais quase o único possível. Até muito recentemente. Alguns de vocês já devem ter visto essa palestra do Ted que mostra esse menino que hackeou a própria educação. Ele tinha alguns questionamentos a respeito da educação tradicional e resolveu se tornar protagonista do próprio aprendizado, e escolher o que e como gostaria de aprender. E história dele é inspiradora, e aponta novos rumos num novo mundo. (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
Jornada

A jornada e o destino

As últimas duas semanas tem sido extremamente desafiantes e desgastantes. Nos últimos dez dias fui apresentada a desafios emocionais, profissionais, financeiros, familiares, de convivência. É muito forninho pra pouca Giovanna. O carnaval no meio desse processo foi apenas um alívio temporário, em que me preocupar com fantasias e maquiagens me permitiu apenas manter a sanidade (quase todo o tempo). [caption id="attachment_371" align="aligncenter" width="600"]Segura, Giovanna! Segura, Giovanna![/caption] (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
Seja Livre

Como descobrir o que quero fazer pro resto da vida?

Estamos de volta com a programação anormal deste blog que vos fala, agora repaginadas depois desse período de escassez. Prometemos novos posts ultra-legais já que durante meu processo de elaboração do TCC e da viagem da Fabi pela América Latina coletamos MUITO material legal pra compartilhar por aqui, então segura que vai ter cada vez mais coisa bacana. ESTAMOS DE VOLTA COM TUDO, GALERA! [caption id="attachment_303" align="aligncenter" width="500" class=" "]Pausa para dancinha da vitória de quem finalmente conseguiu terminar o TCC Pausa para dancinha da vitória de quem finalmente conseguiu terminar o TCC[/caption] E a primeira coisa legal é que já falamos diversas vezes aqui, aquiaqui e aqui no blog sobre um tal de Golden Circle e hoje o post é exatamente sobre isso: como descobrir o meu porquê. Você sabe dizer o que te faz levantar todos os dias da cama de manhã? Qual seu propósito na vida? Já se perguntou o que afinal de contas você realmente gostaria de fazer na vida se não tivesse que ganhar dinheiro pra sobreviver? E se der pra juntar as duas coisas? Fazer o que você sempre sonhou na vida AND ganhar dinheiro? Mas você sabe com clareza o que você quer na vida? Meu Deus, quantas perguntas, Ana. Você acordou hoje me deixando mais confusx do que explicando. (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
Seja Livre

Quando a realidade bate à porta

A copa acabou e parece que com ela foi-se a minha disciplina em manter posts semanais aqui no blog. Mas fazendo jus ao nome do próprio, cá estou eu de volta, Ainda que Tardia, depois de um dia merda um pouco difícil, de uma semana merda um pouco difícil, mas assim é a vida.  

"O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem"

João Guimarães Rosa

(mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
O Projeto

Tá tendo copa e gringos

Copa do mundo de futebol no Brasil e não imaginava que eu fosse gostar tanto do evento. O futebol já não brilha aos meus olhos como antes, por motivos alheios a ele mesmo, e por isso achei que esse ia ser um evento que ia passar em branco pra mim. Botei pouca fé que viessem muitos turistas estrangeiros para BH, pelo simples fato do desconhecimento quase total da capital das Gerais aos olhos do mundo. Assim como você que achou que o Brasil ia ganhar da Alemanha, eu também me enganei. Pois tá tendo copa e tá tendo gringo. E minha vida foi suspensa temporariamente por motivos de copa, já que quase todas as noites meu destino certo é a Savassi, bairro-sede dos bares, babado, confusão e gritaria dessa bela cidade. [caption id="attachment_166" align="aligncenter" width="634"]Da esquerda pra direita e de cima pra baixo: Stuart, Bruno, eu, Anthony, Niall e um gringo aleatório. Da esquerda pra direita e de cima pra baixo: Stuart, Bruno, eu, Anthony, Niall e um gringo aleatório.[/caption] Nessas e em outras conheci muita gente legal de muito lugar diferente e essa troca cultural intensa está preenchendo meus dias de alegria e aprendizado. Como é bom olhar nos olhos dos outros e desfazer estereótipos, ter boas dicas e criar até novas amizades. Gente que a gente se afeiçoa não precisa ter nacionalidade, língua ou cultura iguais às suas, e isso é lindo demais. Olha o que e com quem aprendi até agora: (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
O Projeto

Roda Viva

Mais eis que chega a roda viva e carrega o destino pra lá. Hoje me peguei pensando como o fluxo da vida leva a gente pra lugares, passamos por ciclos, mudamos de emprego, conhecemos gente nova, temos novas ideias, misturamos com mais alguma coisa, e de repente vemos que o caminho ficou bem diferente do que pensávamos a início. como_voce_imagina_a_vida (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
Seja Livre

Coisas para se fazer “antes de”

o_que_fazer_com_sua_vida   A Laís Menini, essa roomie linda que eu tenho, me desafiou a ver com ela um filme de um livro que ela tinha lido que havia gostado muito. E a citação final do livro é essa aí da imagem, que fiz questão de postar como nota no Facebook. Fiz isso logo antes de viajar com a Fabi Soares, dona do texto sobre ter 27 anos publicado semana passada, e que me chamou pra viajar com ela no feriado. Passei quatro dias ótimos, descansando e fazendo coisas novas, como andar de Jet Ski. O que me lembrou de ressuscitar outra nota antiga, de uma lista que fiz: a Bucket List, ou, lista do que fazer antes de bater as botas. (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás
Seja Livre

Você pensa seu negócio para você ou para os outros?

Pode parecer contraditório o título, dado que já falei duas vezes sobre encontrar seu propósito (ou seja, olhar pro seu próprio umbigo) que agora eu esteja dizendo pra você olhar pra fora. Sim, caro amigo-leitor-irmão-de-fé-camarada: é super importante olhar pra dentro da gente e descobrir o verdadeiro propósito nos nossos projetos e negócios, mas igualmente importante é olhar pra fora e se perguntar: quem se importa? [caption id="attachment_103" align="aligncenter" width="500"]Quem se importa com o que você pensa? Quem se importa com o que você pensa?[/caption]   Se seu objetivo for apenasmente satisfação pessoal, se seu projeto não precisa de público nem conexão nenhuma, já te conto que esse post não é pra você. Mas se o que você pretende for um negócio ou qualquer projeto que dependa de participação de outras pessoas, é bom depois de olhar pra si mesmo que você olhe em torno do seu lindo umbigo com piercing e veja quem mais pode se interessar pelo que você está fazendo. (mais…)

Por Ana Paula Coelho, atrás